Início > economia, emprego, Minas Gerais, mineração > Anglo American deve contratar 1.200 engenheiros para atuar em Minas e no terminal do Porto do Açu no Rio de Janeiro

Anglo American deve contratar 1.200 engenheiros para atuar em Minas e no terminal do Porto do Açu no Rio de Janeiro


Projeto Minas-Rio, mineração, 

Fonte: O Tempo

Anglo American busca 1.200 engenheiros

Rio de Janeiro. A Anglo American anunciou que pretende contratar 1.200 trabalhadores para atuar no projeto Minas-Rio, principal projeto da companhia no mundo. Com orçamento de R$ 5 bilhões, o empreendimento prevê produção de 26,5 bilhões de toneladas de minério de ferro. O primeiro embarque do produto está previsto para o segundo semestre de 2013. Em nota, a Anglo explica que o foco das contratações será as engenharias, sobretudo engenharia de produção, elétrica, química e meio ambiente.

As vagas abertas são para Belo Horizonte, Conceição do Mato Dentro e Alvorada de Minas, em Minas Gerais, onde se localizam a futura mina, a planta de beneficiamento, estação de bombas 1 do mineroduto; Santo Antônio do Grama, também no Estado, onde irá se instalar a Estação de Bombas 2; além de Tombos, onde ficará a Estação de Válvulas.

Também haverá vagas em São João da Barra, no Rio de Janeiro, onde funcionará a filtragem e o terminal de minério de ferro do Porto do Açu.

Segundo Claudiana Silva, gerente de recursos humanos e administrativo da pré-operação do Projeto Minas-Rio, a disputa pelos profissionais é acirrada.”Entre 2011 e 2013, mais de 18 mil vagas serão abertas no setor de mineração em todo o Brasil. Serão muitas oportunidades para poucos profissionais capacitados, e temos como prioridade a contratação de mão de obra local. Por isso estamos investindo nos novos talentos da região onde vamos operar”.

Demanda. A Anglo American projeta que a demanda mundial por minério de ferro continuará aquecida pelo menos pelas próximas duas décadas, com um crescimento de 39% até 2020. Segundo o diretor comercial da unidade de minério de ferro da empresa no Brasil, Paulo Castellari, o consumo vai cair somente após 2030.

Anúncios
  1. Nenhum comentário ainda.
  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: