Início > Aécio Cunha Minas, Aécio Neves, Aécio Neves: choque de gestão, Gestão, Governo, política, senador Aécio Neves > Gestão Pública: Aécio Neves e Fernando Henrique falam do legado deixado pelo PSDB em programa de TV

Gestão Pública: Aécio Neves e Fernando Henrique falam do legado deixado pelo PSDB em programa de TV


Fonte: Diário Tucano

Em programa político, PSDB destaca legado e atuação em defesa da sociedade

Em programa nacional veiculado em cadeia de rádio e televisão, o PSDB destacou as principais reformas do Brasil contemporâneo, realizadas pelo partido. As mudanças permitiram o controle da inflação e a recuperação da economia. Foram destacados o Plano Real, a Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF), a política de aumento real do salário mínimo e a rede de proteção social, essa última deu origem ao Bolsa Família.

O líder do partido na Câmara, Duarte Nogueira (PSDB/SP), recordou as bandeiras da legenda no Congresso. “Defendemos propostas para melhorar o controle e a transparência sobre os gastos públicos; o voto aberto em todas as votações; o debate sobre o reequilíbrio da distribuição de recursos entre estados e municípios; a recuperação da autonomia do Legislativo; e a redução de impostos em áreas fundamentais.”

O presidente nacional da agremiação, deputado Sérgio Guerra (PSDB/PE), reprovou o baixo crescimento do país, numa comparação com a média mundial e das nações emergentes. “A farra da gastança desequilibra as contas públicas. A inflação infelizmente está de volta. Agravou-se a equação perversa: a maior carga tributária do mundo, juros nas alturas e um baixíssimo investimento público”, criticou.

Estrela do programa, o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso afirmou que a sigla sempre lutou para favorecer os mais pobres. “A inflação era o pior mal dos trabalhadores. Corroía o salário de cada um”, destacou. Como lembrou, o Bolsa Escola, criado pelo PSDB, foi depois transformado no Bolsa Família. O político lembrou a série de dúvidas que pairava sobre a gestão petista. “O PT se opôs a tudo, mas mudou o governo e eles entenderam que era melhor seguir aquele caminho (adotado pelo tucano) e foi bom para o Brasil.”

Corrupção

O líder tucano no Senado, Alvaro Dias (PSDB/PR), destacou os efeitos da corrupção na vida do povo. Segundo ele, os desvios retiram recursos da saúde, educação, segurança e dos programas sociais. “A transparência internacional revela: R$ 70 bilhões por ano esvaem-se pelos ralos da corrupção, equivalente a arrecadação de duas CPMF, imposto que eles querem recriar.” Dias acredita que o loteamento é a “causa da relação promíscua” do Planalto com a base aliada.

Gestão eficiente

O senador Aécio Neves (PSDB/MG) apontou o motivo pelo qual o partido defende uma administração séria e responsável, modelo adotado nos oitos estados comandados por um tucano: Alagoas, Goiás, Minas Gerais, Pará, Paraná, Roraima, São Paulo e Tocantins. “Gestão eficiente é a arma que governo tem para lutar contra dois inimigos poderosos que vivem invadindo a vida do brasileiro: o desperdício de dinheiro e a corrupção”, avaliou.

Projeto de desenvolvimento

O ex-governador de São Paulo José Serra recordou a luta da agremiação por um projeto forte de desenvolvimento. Ele enumera o real, os genéricos, o seguro desemprego, o bolsa escola, os mutirões de saúde, ensino técnico, as obras de metrô, os programas de moradia popular. Segundo ele, “esse progresso social está ameaçado pela corrupção, pela falta de investimento e pela incompetência”.

Participaram ainda do programa levado ao ar a presidente nacional do PSDB Mulher, Thelma de Oliveira, e o presidente da juventude tucana, Marcelo Richa.

Anúncios
  1. Nenhum comentário ainda.
  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: