Início > política > Antonio Anastasia anuncia que empresa japonesa vai produzir plásticos biodegradáveis no Triângulo, investimento de US$ 400 mi e geração de 2 mil empregos

Antonio Anastasia anuncia que empresa japonesa vai produzir plásticos biodegradáveis no Triângulo, investimento de US$ 400 mi e geração de 2 mil empregos


Dinheiro japonês a caminho

Fonte: Leonardo Augusto – Estado de Minas

O governador Antonio Augusto Anastasia (PSDB) se reuniu ontem em Tóquio, no Japão, com o presidente da Mitsui, Masami Lijima, que anunciou investimento de US$ 400 milhões na construção em Santa Vitória, no Triângulo Mineiro, de um complexo industrial para fabricação de plásticos biodegradáveis usados, por exemplo, em embalagens de alimentos e cosméticos. A primeira etapa do projeto, conforme dados da assessoria do Palácio da Liberdade, é a montagem de unidade de etanol, feito a partir de cana-de-açúcar, para abastecimento da linha de produção. O investimento será realizado em parceria com a empresa norte-americana Dow Chemical.

A expectativa é de que a unidade de etanol esteja pronta ainda em 2011, com a geração de 2 mil empregos. “É um projeto inovador na indústria brasileira que, felizmente, será desenvolvido em Minas. A importância desse anúncio vai além do investimento financeiro em si, mas proporcionará ao estado também uma qualificação dos trabalhadores para atender à demanda gerada pela nova unidade industrial”, afirmou o governador. Segundo Lijima, o Brasil é prioritário para a Mitsui. “Nossa intenção é continuar com os investimentos previstos e buscar cada vez mais novas oportunidades”, disse. O conglomerado comandado por Lijima atua no Brasil nas áreas de mineração, siderurgia e grãos.

Parceria Também ontem, Anastasia se encontrou com o governador da província de Yamanashi, Shomei Yokouchi, que mantém parceria com Minas Gerais nas áreas de celulose, siderurgia e agricultura. A reunião aconteceu em Kofu, capital da província, que fica na Região Central da ilha de Honshu, a principal do Japão, e contou com a participação do embaixador do Brasil no país, Marcos Galvão.

Segundo dados do governo de Minas, em 2013 serão completados 40 anos da assinatura do acordo de cooperação e intercâmbio entre Minas e Yamanashi, na indústria, comércio, e nos setores educacional e cultural. O principal ponto do acordo, hoje, é a concessão de uma bolsa de estágio técnico oferecida todos os anos a um mineiro para desenvolver em Yamanashi, durante oito meses, projeto na área em que atua no Brasil.

Os encontros são parte da primeira etapa da viagem que Anastasia faz ao exterior para detalhamento de investimentos esperados em Minas Gerais. Depois do Japão, o governador seguirá para a Alemanha para reuniões com a DaimlerChrysler, controladora da Mercedez-Benz, que possui fábrica em Juiz de Fora, na Zona da Mata.

Anúncios
  1. jonas
    26/07/2011 às 18:50

    Parabens Anastasia,
    qto mais empresas que invistam em materias primas solares melhor para nosso país.
    Produzir plastico a partir da cana de acucar pode ser uma excelente idéia.
    Pense nisto e fomente o estado de minas gerais a ser o lider em tecnologias solares… pense nisto

  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: